O mindfulness é uma das técnicas de meditação com resultados mais amplos do mundo. Realmente, os exercícios podem trazer benefícios nas mais diversas áreas da vida.
Se você ainda não conhece as maravilhas que o mindfulness pode realizar, tanto para a mente quanto para o corpo, está na hora de descobrir uma técnica que vai ser a sua saída para os problemas cotidianos. Acompanhe nossa lista de aplicações e entenda mais!

Estresse e ansiedade
Você se sente estressado com frequência? A ansiedade está atrapalhando o seu cotidiano pessoal e profissional? Você precisa conhecer o mindfulness.
A técnica de meditação provoca relaxamento e acaba com crises de ansiedade. Para as pessoas que estão sempre pressionadas, a maneira pela qual o mindfulness opera é essencial, pois ele mantém o enfoque no presente.
Você não será influenciado pelo passado e deixará de pensar com tanta frequência nos problemas futuros. A estratégia usada é se concentrar no aqui e agora e desenvolver suas potencialidades em cima disso.
Não há restrições para praticar o mindfulness. Ele pode ajudar a combater o estresse e a ansiedade mesmo empregado várias vezes ao dia. Vai depender da gravidade do quadro e das orientações de um profissional.

Foco e atenção 
Toda técnica de meditação pode ser benéfica para quem tem problemas em manter o foco e a atenção. O mindfulness é importante, pois o enfoque no presente ajuda a melhorar a tensão.
Muitas pessoas que possuem um dificuldades de foco em atividades cotidianas estão tomadas por distrações. O mindfulness vai trabalhar com os devaneios mentais, as inseguranças e a falta de foco no tempo presente. Todos esses elementos impedem a manutenção da atenção.
As pessoas que querem resultados efetivos podem investir na técnica pelo menos uma vez por semana. Se o nível de desatenção é alto, recomendamos fazer uma sessão de relaxamento antes do trabalho ou dos estudos.

Criatividade 
O modo pelo qual o mindfulness trabalha a criatividade é simples, mas muito eficiente. Quando você retira o enfoque do passado ou do futuro e se concentra no presente, pode começar a prestar atenção em elementos que passavam despercebidos pelos seus olhos. De fato, existem muitas coisas às quais não damos atenção.
Novas conexões mentais podem ser feitas e outras possibilidades são descobertas. Se o exercício for realizado todos os dias, ou pelo menos com alta frequência, os resultados são ainda mais promissores. Vale a pena tentar!

Doenças crônicas e dores 
Pode parecer estranho, mas o mindfulness também combate dores e doenças crônicas. Aqui, falamos de diferentes desconfortos sofridos por alguém com uma condição de saúde que perdura por muito tempo. A técnica pode se voltar para cada um deles.
E como funciona? Na realidade, o mindfulness altera uma série de processos mentais e cognitivos. Assim, modificamos a maneira pela qual lidamos com a dor, com as sensações e com as emoções.
Dessa forma, a dor crônica pode diminuir e até se estabilizar. A técnica já trouxe excelentes resultados com diferentes condições de saúde. E você, está pronto para tentar?

Be Mindful!
Pedro Lôbo.